Navigation Menu+

Apocalipse 21

E vi um novo céu, e uma nova terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram, e o mar já não existe.
E eu, João, vi a santa cidade, a nova Jerusalém, que de Deus descia do céu, adereçada como uma esposa ataviada para o seu marido. E ouvi uma grande voz do céu, que dizia: Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e o mesmo Deus estará com eles, e será o seu Deus.

E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas. E o que estava assentado sobre o trono disse: Eis que faço novas todas as coisas. E disse-me: Escreve; porque estas palavras são verdadeiras e fiéis.

E disse-me mais: Está cumprido. Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim. A quem quer que tiver sede, de graça lhe darei da fonte da água da vida. Quem vencer, herdará todas as coisas; e eu serei seu Deus, e ele será meu filho.

Explicação

 Este capítulo trata do estabelecimento de uma nova ordem universal, quando o velho é substituído pelo novo, a renovação de todas as coisas, a implantação de uma nova dimensão física e espiritual envolvendo o céu e a terra. No tempo presente já experimentamos um pouco dessa renovação, a partir do espírito humano contagiado pelo Espírito de Deus.

O próprio Deus estará com eles. Esta é outra descrição do encontro do noivo com a noiva (19.5-9), que é a mais pura manifestação da intimidade de Deus com o povo de sua propriedade exclusiva, que gozará da legítima e empolgante intimidade com o “noivo Jesus”, na concretização das bodas do Cordeiro.

E é neste cenário de dúvidas, temores e ansiedades que nos é apresentada a mensagem da esperança que nos salva: nosso Deus, em sua excelsa graça, foi, é e sempre será nosso Bom Pastor e a razão pela qual não somos consumidos por nossos próprios descaminhos. A “nova cena” nos traz uma maior capacitação e força em nossas lutas, pois nela encontramos a certeza da presença do Deus de toda a esperança. Não haverá mais morte, nem tristeza, nem choro, nem dor.

Sonho com esse lugar!

Deixe seu comentário

%d bloggers like this: